NOTÍCIAS
 
16/04/2019 - 15:55h
Criadouro Trem de Ferro adquire o bicudo BLACK BULL, cruzamento de filho do Vigor em filha do Fiel.

O Criadouro Trem de Ferro adquire o bicudo BLACK BULL, produto de cruzamento entre dois filhos direstos de campeões nacionais de fibra da atualidade, VIGOR e FIEL.

Black Bull é um bicudo de genética extraordinária, resultado de cruzamentos entre destaques na fibra e repetição.

Sua genealogia remonta boa parte da história dos grandes torneios de fibra, bicudos campeões, grandes raçadores, matrizes de destaque e criadores, amadores e profissionais, destaques na história do bicudo.

Na sua linha alta provém da maior excelência da genética WPS, desenvolvida pelo Criadouro Realengo, sendo o seu avô paterno o fenômeno VIGOR WPS (Campeão Nacional 2016, Vice-Campeão Nacional 2017, Campeão Naciona 2018 invicto, e atual recordista de tempo em marcação final). Na linha alta Vigor descende de SOBE-SOBE (Campeão Goiano de Fibra em 2006 e Vice-Campeão Brasil-Central), sendo o principal pilar da genética WPS, criado pelo saudoso _______.

Na linha alta, temos 6 cruzamentos onde aparecem o bicudo P1, grande raçador, que produziu além de SOBE-SOBE, que é um F2 do bicudo P1, outros dois grandes raçadores de fibra, CELEBRIDADE e MINOTAURO.

O pai do bicudo P1 é o grande PEÃO (títulos), filho direto do campeoníssimo SOBE-DESCE (títulos), que por sua vez aparece em xx cruzamentos na linha alta e xx cruzamentos da linha baixa do Black Bull. Por sua vez, sua mãe, Julinha, é neta de um grande destaque, DRAGÃO NEGRO.

Ainda na análise da linha alta, temos a bicuda Igreja WPS, que é neta do ZÉ PRETINHO (títulos).

Na linha baixa, como avô materno, Black Bull provém de FIEL (títulos, vice-campeão nacional 2012 e 2013), considerado um dos maiores raçadores de fibra da atualidade, sendo filho do RADAR, que é mais um filho do PEÃO e neto do SOBE-DESCE. Sua mãe, AF122, têm como parte da base genética o bicudo MIMOSINHO, famoso pela excelência em repetição, que é filho da bicuda Londrina Velha, que também é mãe da bicuda Raquete, que por sua vez é a mãe do bicudo CHICOTINHO, outro bicudo de extraordinária repetição e que deu nome à raça Chicotinho, considerada uma das melhores raças para o melhoramento genético do atributo repetição, desenvolvida com assertividade pelo Sr. João Reginato.

Ainda na linha baixa, na genealogia da avó materna do Black Bull, temos quatro cruzamentos de destaque. No primeiro, o bicudo DOADO, é um cruzamento do CHICOTINHO na Londrina Velha, ou seja, neto na avó. Pela parte paterna, CHICOTINHO ainda é irmão da bicuda Querência, outra matriz de destaque na fibra, e que produziu o bicudo BELELEO (títulos). No segundo, temos a Filha, do cruzamento JK (títulos) com Xavantina, trabalho do saudoso Pedro Junqueira. Este mesmo cruzamento originou outros três grandes bicudos, Latino, Apólo e JK Junior. Genética presente nos melhores plantéis e diretamente em muitos bicudos destaques nas rodas. No terceiro cruzamento, temos o DIAMANTE, filho do BIG STAR (títulos) com Esperança, também trabalho do saudoso Pedro Junqueira. Esse também foi um cruzamento que deu origem a outros bicudos de muita qualidade. E no quarto cruzamento, temos a bicuda Princesa, filha do bicudo NEGÃO na Londrina Velha, que também são os avós paternos do bicudo TURISTA (títulos).

Em resumo, o bicudo Black Bull descende de boa parte dos grandes destaques da fibra e repetição, campeões de grandes torneios e/ou raçadores de excelência. Diretamente, descende de Sobe-Desce, Peão, P1, Sobe-Sobe, Vigor, Radar, Fiel, JK, Chicotinho, Mimosinho, Zé Pretinho e Dragão Negro. Indiretamente, outros destaques com parentesco, destacam-se o Beleléo, o Turista, o Jóia Rara, o Celebridade, o Minotauro, entre outros.

Entre as fêmeas que compõe diretamente o pedigree do Black Bill, destacam-se a Londrina Velha, a Xavantina, a Malagueta, a Manuela, a Turmalina, a Flor, a Esplêndida, a Sobiar, a Mil e a Igreja. Essas matrizes estão entre as mais consagradas produtoras de fibra e repetição.

Adquirido do Criadouro Linhares, o bicudo Black Bill vêm para atuar como galador do Criadouro Trem de Ferro.



Obs.: agradecimentos ao amigo Romeu, Criadouro Linhares.

< voltar

 
 
www.criadourotremdeferro.com.br - 2019 - Desenvolvimento: